Jejum intermitente: o que é, como fazer e quais seus benefícios!

A busca por hábitos mais saudáveis e/ou perder peso costumam ser o desejo de diversas pessoas, mas, a gente sabe que não existe sopa milagrosa para emagrecer, esse tipo de resultado vem com o tempo, a partir da disciplina na rotina alimentar e de exercícios físicos que vão te ajudar a emagrecer.

jejum intermitente resultados 

O que é o jejum intermitente?


A dieta do jejum intermitente é um método de emagrecimento que anda bem em alta e talvez você já tenha ouvido falar. A ideia básica deste tipo de dieta busca intercalar períodos de jejum, com períodos de alimentação, as chamadas "janelas de alimentação". 

Assim, recomenda-se entre 10 a 24 horas de jejum, sendo que conforme o caso a dieta pode ser feita diariamente (que é mais comum) ou apenas alguns dias da semana.

dieta do guerreiro

Fora das janelas de alimentação, a pessoa fica liberada para ingerir apenas líquidos que não possuam calorias, como água (com ou sem gás), água saborizada, chás e/ou café, todos eles sem açúcar.

Esse tipo de revezamento tem como objetivo fazer com que o seu corpo utilize as reservas de gordura corporal, de tal modo que seja possível então a perda de massa gorda (que é o que compromete sua saúde).

Como funciona o jejum intermitente? 

 
Quando se fala em jejum intermitente você pode ser induzido a acreditar que existe apenas uma única maneira de fazê-lo, quando na verdade ao longo do tempo foram desenvolvidos diversos protocolos de jejum intermitente, de tal maneira que o que os diferencia, principalmente, são as horas de jejum.

 jejum intermitente queima gordura

Conheça os tipos de dietas e como funciona:

  • Jejum de 12 horas

O jejum de 12 horas é o protocolo mais popular entre os adeptos do regime intermitente, por ser um dos mais fáceis de se manter, visto que nesta modalidade você passa metade do dia sem comer, isso incluindo as oito horas que são recomendadas dormir. 

 horarios do jejum intermitente

Deste modo, recomenda-se que o praticante faça três refeições ao longo do dia, assim, ficando das 20h da noite até às 8h da manhã sem se alimentar, por exemplo.

  • Sistema Leangains


O referido protocolo foi desenvolvido pelo especialista sueco Martin Berkhan, que propõe que o praticante fique em jejum cerca de 16 horas.

 low carb e jejum intermitente

Assim, aquele que opta por este sistema poderá fazer entre duas e três refeições nas oito horas restantes do dia, a chamada janela de alimentação, sendo que é você que escolhe o melhor momento para criar sua janela dentro do período supracitado.

  • Protocolo Coma - Pare - Coma


O protocolo coma-pare-coma você é quem escolherá um ou dois dias da semana em que deverá ficar em jejum absoluto por 24 horas. 

Isso significa que, nestes dias selecionados você fará uma refeição e depois só voltará a comer de novo no mesmo horário no dia seguinte. 

 jejum intermitente 24h

Destaca-se que, este método é um dos mais difíceis para fins de adaptação, sendo que a refeição que precede o jejum deve ser rica em fibras para aumentar a sensação de saciedade.
 

Cuidados com o jejum intermitente:

 
De um modo geral, não importa o protocolo que você opte por seguir, o jejum intermitente envolve disciplina para que você coma apenas quando sente fome de verdade, sendo que as janelas de alimentação porderão ser de um dia ou de horas durante o dia, sendo que nos intervalos todos exigem a ingestão de líquidos sem calorias (evitando-se itens que contenham calorias, tais como alguns suplementos como é o caso do whey protein).

 jejum intermitente rodrigo polesso

Não é porque você está de jejum por longos períodos que poderá compensar o tempo e, nas refeições indica-se que o praticante dê preferêcnia à proteínas com pouca gordura, consumo de legumes, verduras e frutas, além de cereais integrais ou tubérculos (inhame, cará, mandioca, batata doce, etc.), sem é claro se exagerar no consumo de carboidrato, pois, senão você poderá causar um pico de insulina e prejudicar seu metabolismo.
  

O jejum intermitente emagrece?


Você já deve ter ouvido falar que quando acabamos de nos alimentar, o nosso organismo começa a dar um destino para toda a energia absorvida, que é inserida nas células a partir do hormônio insulina e armazenada em forma de tecido adiposo, isto é, gordura.

emagrecer de vez jejum intermitente 
 
Conforme nos movimentamos e realizamos atividades, até mesmo as mais vitais (respirar, pensar, etc.) vamos gastando essa energia e, quando ela se esgota, o corpo é então obrigado a usar as reservas armazenadas, tais como o tecido adiposo, que passa então a ser quebrado e transformado em energia, o que facilita a perda de peso.
 

Quais os benefícios do jejum intermitente?


O jejum intermitente quando feito corretamente e de maneira coerente pode te trazer alguns benefícios logo nas primeiras semanas, como mais disposição, até mesmo certa clareza mental e controle da glicemia e insulina (reduzindo a resistência a ela, fator que dificulta significativamente a perda de peso).

Tudo isso, por conta da própria alimentação. Confira o guia visual que pode te auxiliar na escolha dos alimentos a serem consumidos:


Desvantagens do jejum intermitente


Por outro lado, o jejum intermitente impõe algumas dificuldade de adaptação, que tendem a ser maiores que para outras dietas que não são tão restritivas, além disso, caso a pessoa fique muito tempo sem se alimentar pode acabar se desidratando, ter fraqueza muscular ou episódios de hipoglicemia.
 
oq e jejum intermitente
 
Por fim, como esse tipo de dieta envolve longos períodos sem comer, pode levar à tendências de compulsão alimentar, já que a pessoa pode acabar perdendo-se entre as refeições, na tentativa de compensar com a ingestão de alta quantidade de calorias.

O importante é você consultar médicos e/ou especialistas para que o melhor protocolo seja implementado e os resultados se potencializem, fazendo com que você perca mais peso em menos tempo.

Postar um comentário

0 Comentários